Coppalj inaugura unidade de refino de óleo de babaçu em Lago do Junco

A produção da Cooperativa de Pequenos (as) Produtores (as) Agroextrativistas do Lado do Junco-MA (COPPALJ) inicia uma nova etapa. Foi inaugurada ontem (24/07/2019) a Unidade de Produção de Óleo de Babaçu Orgânico Refinado no município de Lago do Junco/MA.  A nova unidade é fruto de projeto da Coppalj e da Associação em Áreas de Assentamentos no Estado do Maranhão (ASSEMA) em parceria com o governo do Maranhão, por meio da Secretaria de Agricultura Familiar (SAF-MA).

A inauguração ocorreu com a presença do governador em exercício Carlos Brandão, que fez a entrega oficial da agroindústria à cooperativa. Na ocasião, o ele destacou a parceria entre o Governo do Maranhão, financiador dos equipamentos; a prefeitura de Lago do Junco, que fez a terraplanagem do terreno, e a Cooperativa, que construiu o galpão. “É um investimento de quase R$ 1 milhão para o refino do óleo que vai oportunizar mais geração de renda para as quebradeiras de coco babaçu”, afirmou Carlos Brandão.

Este é mais um marco na trajetória da Coppalj que em abril deste ano completou 28 anos de fundação, contribuindo para a conservação do meio ambiente, o comércio justo e solidário e a valorização do protagonismo das famílias agroextrativistas do Médio Mearim. “Quando nós, trabalhadores rurais e quebradeiras de coco, saímos da era da quebra do coco e chegamos no processamento e por último ao refino, isso é de fundamental importância porque vai virar uma página na história da economia do babaçu para todas quebradeiras de coco daqui da região”, disse Ildo Lopes de Sousa, presidente da Coppalj.

O coordenador geral da Assema, Francisco Germano, também parabenizou as quebradeiras de coco babaçu por mais esta conquista ao longo da história. “A Assema, a Coppalj, a AMTR, os grupos de Jovens e de mulheres que compõem a cooperativa e a Assema, estamos todos prontos para dar continuidade a esta conquista que é o refino do óleo de babaçu, um sonho iniciado em 1991 quando começamos a comprar a amêndoa”, ressaltou Francisco Germano.

Emocionada, a quebradeira de coco e vice-presidente da Associação de Mulheres Agroextrativistas de Lago do Junco e Lago dos Rodrigues (AMTR) Ivete Ramos falou da nova conquista. “Hoje estamos tendo nosso óleo que é orgânico e é produzido por nós quebradeiras de coco”, disse orgulhosa, Ivete Ramos.   

A Agroindústria

Após o descerramento da placa de inauguração, o governador, acompanhado do secretário da SAF, Júlio Mendonça, além de lideranças políticas municiais da região, visitaram a usina e conheceram o processo de funcionamento.

A usina tem capacidade de refino para até cinco toneladas de óleo por dia. Com a nova unidade de refino, a Coppalj passa a atender também ao mercado alimentício e de fármaco. Atualmente a cooperativa produz somente o óleo bruto filtrado, já comercializado para a indústrias de cosméticos nos mercados nacional e internacional, além da torta de babaçu usada como insumo para ração animal.

A Coppalj é atualmente a única cooperativa nacional responsável pela produção de óleo com certificado da IBD, a maior certificadora da América Latina.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

deixe seu comentário