Assema, Coppalj e Embrapa discutem estratégias para as agroindústrias do Médio Mearim

As estratégias de desenvolvimento para agricultura familiar por meio de agroindústrias de alimentos na região do Médio Mearim no Estado do Maranhão foram tema de discussão na visita técnica que reuniu representantes da Associação em Áreas de Assentamentos no Estado do Maranhão (Assema) e diversas unidades da Embrapa (Embrapa Amazônia Oriental/Belém/Pará, Embrapa Cocais/São Luís/MA, Embrapa Recursos Genéticos e biotecnologia/Brasília/DF e Embrapa Agroindústria de Alimentos/Rio de Janeiro/RJ).

  A visita ocorreu no período de 16 a 20 de setembro de 2019, nos empreendimentos de economia solidária, a COOPAEPS (Cooperativa de Pequenos Produtores Rurais Agroextrativistas de Esperantinópolis), COPPALJ (Cooperativa de Pequenos Produtores Rurais Agroextrativistas de Lago do Junco), na unidade de produção de licor de Santana, localizada no município de São Luiz Gonzaga e na Escola Família Agrícola.  

Entre as estratégias discutidas, ficou definida a realização de um curso de formação em processamento dos produtos de origem extrativistas das agroindústrias da região, que atenderá a um público específico que já trabalha com processamento de alimentos.

O objetivo do curso é contribuir com a reconstrução de quadros técnicos capacitados a operar sobre conhecimentos específicos relacionados à segurança na produção de alimentos tratados por Normas Regulamentadoras emitidas pelos ministérios.

O curso vai abordar questões de princípios de higiene e sanitização, como evitar a deterioração prematura de alimentos processados, transporte e armazenamento dos produtos, ferramentas de gestão e de qualidade.

“Esta parceria com a Embrapa é importante para capacitar técnicos e produtores da área de atuação da Assema, contribuindo assim para melhorar o processamento e a qualidade da produção de nossas agroindústrias”, ressaltou o coordenador geral da Assema, Francisco Germano.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest

deixe seu comentário